O Irlandês

Não consigo pensar no Euller que adora cinema sem os filmes de Martin Scorsese. Touro Indomável, Táxi Driver, Os Infiltrados e Os Bons Companheiros são filmes que formaram o meu lado cinéfilo e com certeza estão entre os meus filmes favoritos da vida. Então é claro que eu estava com altas expectativas para o seu novo filme O Irlandês que saiu nos cinemas no dia 14 de Novembro e na Netflix no dia 27.

Veja o trailer aqui

O filme conta a história de Frank Sheeran (Robert De Niro, de “Coringa”), veterano de guerra e caminhoneiro que transporta carnes. Acaba mudando de vida quando começa a se envolver com os negócios de Russel Bufalino (Joe Pesci, “Casino”) se tornando um assassino da máfia. Os negócios evoluem ao ponto que Frank Sheeran se envolve e cresce no sindicato de Jimmy Hoffa (Al Pacino, “O Poderoso Chefão”) e daí pra frente ele acaba evoluindo como capanga da máfia e não consegue mais controlar os acontecimentos da sua vida.

O filme tem 3 horas e 30 minutos mas eu não senti passar o tempo, a narrativa é ótima e consegue te prender fazendo você não perceber o decorrer das horas. E pela proposta de filme, pela história que Scorsese e Steven Zaillian queriam contar ele tinha que ter essa duração. Todo o enredo é uma construção da história de Frank Sheeran de um ponto da sua vida até o final dela, colocando todos os acontecimentos importantes relacionados a sua vida de assassino. Creio que se o filme não tivesse a duração que tem o impacto, o enredo e a narrativa não teriam tido o sucesso que o filme almejava.

Outro ponto positivo pra mim foram todas as atuações, De Niro está incrível nesse filme, consegue realmente passar todas as emoções, sentimentos e nuances que permeiam o personagem. A atuação de Joe Pesci está bem marcante também, desde o começo você cria uma simpatia pelo personagem e com certeza isso é um mérito de Pesci. Al Pacino faz um personagem marcante e que pra mim relembrou tanto a atuação quanto o personagem dele em Scarface, Tony Montana

Há diversas maneiras de se ter uma experiência cinematográfica e longe de mim querer ditar como você deve ou não assistir alguma coisa, mas O Irlandês é um filme que segue realmente uma linha narrativa bem definida e acredito que a melhor forma de você assistir ao filme seja realmente tirando um tempo só para ele. Você pode parar e fazer outras coisas, mas se você começar o filme em um dia e terminar em outro creio que a experiência do filme seja um pouco prejudicada. 
O filme vale e muito a pena ser visto. Scorsese consegue nos trazer um filme que responde a tudo que se propõe e ainda é divertido. Se você já viu, diz pra gente se gostou!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *