Ásia ajuda, e “Venom” ultrapassa Mulher-Maravilha e Deadpool em bilheteria

Filme surpreende nas bilheterias do oriente e deve ser responsável por parte dois do anti-herói

 

Quer tenhamos gostado ou não, os números não mentem: “Venom”, filme da Sony sobre o anti-herói da Marvel, já é uma das maiores arrecadações mundiais em 2018.

Até a publicação desta matéria, o filme com Tom Hardy (“Mad Max> Extrada da Fúria”)  já havia arrecadado US$ 822 milhões, quantia suficiente para fazê-lo mais bem-sucedido nas bilheterias do que Mulher-Maravilha (US$ 821 millhões ), Liga da Justiça (US$ 657 milhões),  o primeiro “Deadpool” (US$ 783 mi) e “Guardiões da Galáxia” (US$773 mi).

Como isso pode acontecer? A resposta está no oriente. Segundo dados do site, “Venom” foi muito bem aceito nas bilheterias da China, Rússia e Coréia do Norte , e isso garantiu mais zeros na conta da Sony. Enquanto no ocidente o filme não teve o mesmo sucesso, só estes três países somados já foram suficientes por quase 1/3 da bilheteria do filme no mundo. Mais que isso: Fizeram do filme o sexto mais lucrativo do ano, atrás de “Os Incríveis 2″, que fez US$1.2 bi.

Veja nossa opinião sobre “Venom”

 

Baseado no personagem da Marvel Comics, “Venom” conta como Eddie Brock (Tom Hardy) se tune ao um simbionte, uma matéria alienígena capaz de misturar-se à outras formas de vida.  Apesar de ser um personagem muito associado ao Homem-Aranha, o filme não tem relação filmes da Marvel, como “Vingadores”. ou “Homem-Aranha: De volta ao Lar”.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *