Duas de Mim – Clones, “Master Chef” e Latino são destaques no primeiro filme de Cininha de Paula


O cinema nacional tem destacado as histórias das mulheres esse ano. Depois de Beatriz (Doidas e Santas) e Rosa (Como Nossos Pais), “Duas de Mim”, comédia dirigida por Cininha de Paula, nos apresenta a vida de Suryellen (Thalita Carauta).

Diferente dos dois primeiros filmes, essa história se passa na periferia, mas especificamente do Rio de Janeiro. Suryellen é uma mãe solo, divorciada, que mora com a mãe, Sonja (Maria Gladys) e a irmã, Sarelly (Letícia Lima). Única responsável pelo sustento da casa e sem a ajuda do ex marido, ela tem uma jornada de trabalho dupla: vende marmitas de manhã e lava louça em um restaurante à tarde.

Diante dessa rotina, tudo o que ela mais deseja é poder se dividir em duas para dar conta de tudo e poder realizar seu sonho: ser uma chef de cozinha. O que ela não esperava era conhecer uma boleira misteriosa que fez esse sonho se realizar. A partir daí, Suryellen e seu “clone” passam a dividir a mesma vida, uma situação que traz muitas risadas e confusões.

.

Veja o trailer aqui

.

Um filme cheio de estreias

“Duas de Mim” é o primeiro filme dirigido por Cininha de Paula, que tem uma carreira consolidada como diretora de TV, além de ter trabalhado como atriz. Essa também é a estreia de Thalita Carauta como protagonista no cinema, após ter atuado em “S.O.S Mulheres ao Mar” 1 e 2 (2014/2015) e o “O Lobo Atrás da Porta” (2014).

Vale destacar que ela está muito bem interpretando duas personagens com personalidades tão opostas. Enquanto Suryellen é uma mulher sofrida e cansada da situação em que vive, sua clone representa tudo que ela queria ser na realidade: alegre, sexy e despreocupada com os problemas da vida.

O filme também é a estreia do cantor Latino como ator. Ele interpreta Chicão, um colega de trabalho que é apaixonado por Suryellen e nas horas vagas trabalha como cover do…Latino (!!!). Mas seremos justos: por ser o primeiro papel, o cantor mandou bem no personagem.

Gran Gourmet: o clone do Master Chef

Não é só a Suryellen que tem um clone nessa história. A personagem participa do programa “Gran Gourmet”, que claramente é uma referência ao “Master Chef”, exibido na Band. Até mesmo os jurados que participam do filme são chefs de cozinha reais (Claude Troisgros, Andre Mifano e Flávia Quaresma). Para quem é fã do programa, esse é um momento muito divertido da história.

O filme é leve, engraçado e os efeitos especiais das cenas onde Suryellen e a clone aparecem são muito bem feitas. Apesar de não ter um elenco tão forte, o roteiro tem uma história diferente e que passa uma mensagem importante: muitas vezes, nem tudo o que desejamos pode dar certo na nossa vida. Será que você se daria bem convivendo com um clone? Compartilha com a gente lá nos comentários!

.

Comente!