Sony bate recorde em vendas por streaming com “A Entrevista”


E toda a novela em torno do filme “A Entrevista” acabou sendo lucrativa pra Sony. O longa arrecadou US$ 15 milhões em vendas por video on demand. Segundo o Yahoo! esse valor deve aumentar quando o iTunes divulgar o valor de suas vendas. Essa é a maior arrecadação da produtora em serviços de streaming.

.

Mais detalhes aqui:

.

O custo total do filme foi de US$ 44 milhões. Sony voltou atrás em sua decisão de cancelar o lançamento da produção e em 24 de dezembro foi disponibilizado nas plataformas YouTube Movies, Google Play, Xbox Videos, da Microsoft e no site oficial do filme (www.seetheinterview.com) por US$ 5,99 para aluguel e US$ 14,99 para compra. O filme está disponível apenas para residentes dos EUA que possuem um cartão de crédito do país.

Entenda:

No final de Novembro, a Sony Pictures sofreu um ataque aos seus computadores, que espalhou filmes a estrear e e-mails da diretoria pela internet. No começo de Dezembro, levantou-se a suspeita de que a Coréia do Norte teria ciência do ocorrido, mas negou sua participação. Posteriormente, um grupo auto-denominado “Guardiões da Paz” fez uma postagem no site Github, direcionando ataques à direção do estúdio caso persistissem na idéia de exibir o filme “A Entrevista”.

No filme com Seth Rogen (“É o Fim”) e James Franco (“Planeta dos Macacos: A Origem”), dois repórteres são escalados pela CIA para penetrar na Coréia do Norte e matar o ditador Kin Jong-Un.

.

A entrevista

Comente!