Diretor de Divergente pode assumir o remake de Intocáveis


Foi divulgado pelo Deadline que o diretor de “Divergente”, Neil Burger, pode assumir o remake do longa francês “Intocáveis”.

A Weinstein Company, produtora do filme, tem reunido o diretor junto com os atores que já estão confirmados Bryan Cranston (“Trumbo”) e Kevin Hart (“Um Espião e Meio”).

“Intocáveis”, lançado em 2011, conta a história de Philippe (François Cluzet), que é um aristocrata rico que, após sofrer um grave acidente, fica tetraplégico. Precisando de um assistente, ele decide contratar Driss (Omar Sy), um jovem problemático que não tem a menor experiência em cuidar de pessoas no seu estado. Aos poucos ele aprende a função, apesar das diversas gafes que comete. Philippe, por sua vez, se afeiçoa cada vez mais a Driss por ele não tratá-lo como um pobre coitado. Aos poucos a amizade entre eles se estabele, com cada um conhecendo melhor o mundo do outro.

É o longa francês mais rentável da históra, tendo custado 9,5 milhões de euros e faturado mais de 420 milhões de dólares.

Comente!